Tempo de leitura: 1 minuto

Para suprir a demanda diante do crescimento dos negócios e obter mais assertividade em todos os processos, a Cotrijal deu sequência em 2023 à modernização da gestão. Entre as medidas definidas pela cooperativa está a troca do sistema de gestão integrado ou ERP – Enterprise Resource Planning, no português Planejamento de Recursos Empresariais.Com um software desenvolvido por uma empresa especializada, a cooperativa vai ter acesso a ferramentas mais robustas para a gestão. “A troca do sistema vai trazer uma série de benefícios para a Cotrijal, desde a eficiência operacional até a segurança das informações. Com um ERP atualizado teremos monitoramento em tempo real de todas as movimentações, além de uma visão ampla e integrada dos dados, garantindo indicadores e KPI’s com mais rapidez e assertividade para os processos decisórios da cooperativa” explica Marcelo Ivan Schwalbert, superintendente administrativo-financeiro da Cotrijal.Outras vantagens da contratação de um ERP especializado é a garantia de melhorias constantes, alinhamento do sistema em relação a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e rapidez na realização de auditorias. Atualmente a empresa conta com um sistema desenvolvido internamente e prevê que o novo software começará a ser usado a partir de janeiro de 2025.Troca de experiênciasPara avaliar as melhores opções de ERP no mercado e conferir os desafios da transição do sistema, uma comitiva da Cotrijal visitou três cooperativas que já utilizam um software de gestão especializado. Em 21 de março, os diretores e superintendentes da Cotrijal estiveram na matriz da Coopercitrus, em Bebedouro, no estado de São Paulo. A cooperativa paulista que atua na comercialização de insumos, máquinas e implementos agrícolas, utiliza o sistema da SAP. Já no dia 22 de março, foi a vez de visitar cooperativas no estado do Paraná. A Frísia é uma cooperativa de produção com atuação em diferentes segmentos que desde 2022 utiliza o ERP da Oracle. E a Castrolanda, que conta com unidades de negócios de operações e industrial, utiliza o SAP para gestão integrada.“A visita as cooperativas foi uma experiência muito positiva. Conferimos como se deu o processo de transição do ERP, quais foram os principais desafios e as possíveis maneiras de minimizar riscos. Além disso tivemos a oportunidade de trocar experiências sobre diferentes âmbitos das cooperativas, como novos negócios e formas de atuação junto ao quadro social” analisa Schwalbert.Próximos passosCom a definição do sistema será criado um grupo responsável pelo projeto para organizar o processo de transição. A Cotrijal também definirá uma agenda de treinamentos para capacitar os colaboradores que devem atuar com o novo sistema. Após a fase inicial em 2025, está prevista a ampliação do sistema em diferentes etapas. A proposta é que ele englobe a maioria dos negócios da cooperativa com o passar dos anos, reunindo todas as informações e processos em um único software.

Compartilhe também no:
Page Up Solutions

Sexchatster: Free Sex Chat & Free Webcams Live

Artigo anterior

CARTILHA ANTIGOLPE – EDUCAR PARA PREVENIR

Próximo artigo

Você também pode gostar

QUER COMENTAR SOBRE ESTÁ NOTÍCIA?

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.