Tempo de leitura: 1 minuto
O trevo da Linha Quinta Pinheiro Machado, localizado na ERS-129 – Km 130, que dá acesso de Guaporé ao município de União da Serra, caracterizou-se ao longo dos anos como ponto de grande perigo para os condutores. Acidentes de trânsito com danos materiais e, principalmente, com lesões corporais, são registrados com frequência. Em menos de 20 dias, foram três. O último aconteceu na tarde da quinta-feira, dia 21 de março, por volta das 16h45min, e envolveu dois veículos e mobilizou servidores do 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros Militar (4º PelBM) e profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).
Conforme trabalhadores que testemunharam o acidente, o condutor de uma GM Meriva, emplacada em Serafina Corrêa, transitava no sentido Serafina/Guaporé quando teve a frente cortada por um Volkswagem Gol, de Guaporé, conduzido por um homem, de 62 anos. Ele, sem perceber a movimentação na rodovia, tentou atravessar o trevo, quando houve a colisão. O Gol ficou no meio da pista com o guaporense ficando preso nas ferragens. A Meriva foi parar no barranco.
Bombeiros, guarnição composta pelos soldados Guatemin, Bresolin e Ramos, utilizou o desencarcerador para a retirada do homem de dentro do veículo. Ele sentia muitas dores nas pernas. Foi encaminhado à unidade hospitalar pelo SAMU. O serafinense estava consciente e apresentava dores no pulso da mão direita. Não necessitou de atendimento médico.
Para o socorro das vítimas, com duração aproximada de 20 minutos, o trânsito no trecho ficou interrompido. A pista foi sinalizada e muitos motoristas foram orientados a utilizarem o desvio pela cidade para seguir viagem. Policiais da Brigada Militar (BM), de Dois Lajeados, prestaram auxílio no local.
Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Compartilhe também no:

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 6

Artigo anterior

Associados da Cotrisoja receberão retorno de sobras referentes ao ano de 2023

Próximo artigo

Você também pode gostar

QUER COMENTAR SOBRE ESTÁ NOTÍCIA?

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.