Tempo de leitura: 1 minuto
Modalidade que vem destacando-se há tempos entre as associações criminosas para fazer o ilícito chegar às mãos dos usuários, a tele-entrega das drogas colocou atrás das grades um homem, de 21 anos, em Guaporé. Em ação dos policiais do 4º Pelotão da Brigada Militar (BM), coordenados pelo tenente Júlio César de Oliveira Greff, o jovem foi preso em flagrante na noite do domingo, dia 31 de março, quando transportava cocaína de um ponto para o outro.
Informada anonimamente na Central de Operações (Telefone 190) sobre a venda e a distribuição do entorpecente, a guarnição preparou-se para localizar o traficante que, conforme denúncias, utilizava uma motocicleta para a “corrida”. Com as características e a placa, o veículo foi avistado na Avenida Monsenhor Scalabrini, bairro Centro. A abordagem foi realizada e, durante busca pessoal, os policiais encontraram 10 pacotes pequenos de cocaína e R$ 94,00 em dinheiro.
Em virtude da traficância, o jovem, que possui antecedentes como adolescente infrator e vias de fato, recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil (DP), de Marau, para o registro da ocorrência. Posteriormente foi encaminhado para o Presídio Estadual de Guaporé onde permanecerá à disposição da Justiça.
Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Compartilhe também no:

Reforma de galeria do Presídio Regional de Pelotas é destaque da Agenda Celic de 1º a 5 de abril

Artigo anterior

Cooperados do Sicoob São Miguel economizam mais de R$ 356 milhões em 2023

Próximo artigo

Você também pode gostar

QUER COMENTAR SOBRE ESTÁ NOTÍCIA?

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.