Tempo de leitura: 1 minuto

O nível do Guaíba voltou a subir em Porto Alegre, alcançando 4,32 metros às 7h15 desta segunda-feira (20). Na noite de domingo (19), a medição era de 4,24 metros, às 22h45, de acordo com cálculo da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), no Cais Mauá. O nível permanece 1,32 metro acima da cota de inundação (que é de 3 metros).

Contudo, houve um recuo das águas na última semana. Entre a 0h de domingo a 0h de segunda (20), o rio havia baixado cerca de 26 centímetros.

O Instituto de Pesquisas Hidráulicas (IPH) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) sinaliza que o Guaíba atingiu o nível máximo de 5,25 metros na terça-feira (14). Desde então, o nível está baixando.

ESCOAMENTO DE ÁGUA

Bombas de água enviadas pela Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) começaram a operar neste domingo (19), no bairro Sarandi, Zona Norte de Porto Alegre. O equipamento será utilizado pela prefeitura para acelerar o escoamento de água nas áreas mais atingidas pelas enchentes.

Com o escoamento da água da Capital, os moradores começaram a retornar a suas casas e apartamentos para avaliar os danos e verificar o que pode ser recuperado. Na sexta-feira (17), a redução do nível do lago permitiu a remoção de uma comporta no Centro Histórico, facilitando o escoamento da água acumulada nas ruas. Essa operação possibilitará o acesso a duas casas de bomba, essenciais para drenar a água das áreas urbanas.

G1

Compartilhe também no:

FORTALEZA DOS VALOS | Começa o Campeonato Municipal de Futsal Masculino 2024

Artigo anterior

Apenados da Penitenciária de Canoas I produzem casinhas para animais atingidos pelas chuvas

Próximo artigo

Você também pode gostar

QUER COMENTAR SOBRE ESTÁ NOTÍCIA?

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.