Tempo de leitura: 1 minuto
A Administração Municipal, através da Secretaria de Coordenação, Planejamento e Desenvolvimento Econômico, deu início aos trabalhos em mais uma via urbana que, há pelo menos 20 anos, é reivindicada pela comunidade. Na quarta-feira, dia 10 de abril, a rua Agilberto Maia, trecho entre as ruas Aurora e Airton Tomasetto, começou a ser aberta pelas máquinas e colaboradores da empresa Schossler Obras e Pavimentação Ltda, vencedora da Concorrência Pública n.º 29/2023. O objetivo é proporcionar a trafegabilidade de veículos e a circulação de pedestres que inexiste no local.
Na via urbana, a remoção da terra e vegetação rasteira acontece de forma acelerada. Parte do material já foi retirado e um clarão, ligando a via aos fundos o Hospital de Guaporé para o bairro São Cristóvão, encheu de alegria os moradores. Tubos de concreto para o escoamento da água das chuvas (tubulação de drenagem) foram colocados e indicam que, em breve, haverá a colocação da pavimentação em pedra basalto. São 1.944,60m2 de área. O investimento é de aproximadamente R$ 300 mil.
“Há tempos havia esse pedido, mas tínhamos alguns entraves com os terrenos, que eram de propriedade dos moradores, e levou um tempo até que ficasse resolvido. Vencido todo o processo, é hora de atender mais uma reivindicação e proporcionar a trafegabilidade com segurança na rua. As obras estão em andamento e, mais uns meses teremos a via pavimentada que ligará duas regiões e ajudará a desafogar parte da movimentação diária na Avenida Silvio Sanson”, disse o secretário Gerson Bedin.
A previsão é que os trabalhos sejam concluídos em até seis meses, conforme o contrato.
Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Compartilhe também no:

Muçum lança a 5ª Edição da ExpoMuçum com grandes shows

Artigo anterior

ESPUMOSO | Força tarefa entre saúde e obras, visa eliminar focos da dengue

Próximo artigo

Você também pode gostar

QUER COMENTAR SOBRE ESTÁ NOTÍCIA?

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.